Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Desde 1 de Janeiro de 2008.

iamcarmen

Desde 1 de Janeiro de 2008.

Sweet Desire - 10º

por iamcarmen, em 27.04.15

 

10º

 

Su - Bill!!! O teu tlm está a tocar que nem doido! - gritou do seu quarto

Corri escadas acima, entrei no meu quarto e apanhei logo o tlm e atendi.

[ Eu - Sim?

Thaís - Olá!

Eu - Thaís?! o.O - olhei o relógio, eram 21:36h

Thaís - Sim. Sei que chegas-te tarde hoje a casa. Muito trabalho? - falava tão animada

Eu - sim, um bocado.

Thaís - ...

Eu - amh, que queres?

Thaís - porque és assim comigo?! Tu sabes que estou a gostar de ti...mas mesmo assim não confias nem queres confiar em mim.

Eu - eu..a...é complicado Thaís. - o silêncio do outro lado mantinha-se - Desde praticamente sempre estou habituado a tu não me puderes ver á tua frente, gozares, tentares rebaixar-me. É complicado... - suspirei

Thaís - pensei que me tinhas perdoado. - falava de uma forma triste

Eu - Eu...sim...mas tens que me deixar habituar á ideia de te...ter por perto. - confessei-lhe

Thaís - O tempo que quiseres. - continuava a falar um tanto triste

Eu - desculpa.

Thaís - tens nada a pedir desculpa.

Porque raio de momento só tenho vontade de estar ao lado dela e abraçá-la, dar-lhe muitos carinhos para não a ter assim triste?! =O

Eu - continuo a sentir que estás triste, Thaís.

Thaís - como podes sentir essas coisas? Estamos ao telefone e eu vivo a quase 3km de distância de ti.

Eu - não sei...apenas sinto. - corei

Thaís - ok...mas o que queria falar realmente contigo... - começou

Sorri para mim mesmo, sentei-me á ponta da minha cama á espera de ouvir qual era a ideia louca dela agora. =)

Thaís - eu tinha pensado em ir almoçar contigo ou tu comigo...isto é num restaurante. - ouvi-a sorrir - mas a ideia de jantar seduz-me mais...e posso experimentar o meu vestido novo. - riu-se tal como eu - que achas, Bill?!

Eu - jantar-mos juntos?

Thaís - sim. Nós os 2, para te ires habituando á minha presença.

Eu - ok.

Thaís - ok?! Não vais dizer "não sei..."; "não me parece"; "nada boa ideia" ou "nada normal"?

Desatei a rir, de facto eu respondia-lhe sempre na incerteza. Estúpido Bill, estúpido.  -.-'

Eu - não. É ok, é ok... Eu saiu ás 19h.

Thaís - combinado. Vamos jantar fora. Vou ter á tua casa?

Eu - eu..eu vou ter á tua.

Thaís - de certeza que sabes onde vivo? - brincou

Eu - absoluta. O teu pai não manda vir?

Thaís - claro que não. - riu-se

Eu - como ele nunca me viu.

Thaís - mas já conhece a tua cara. - sorriu

Eu - como?! O.o

Thaís - pensas que não tenho uma foto tua, Bill?!

Eu - =O

Thaís - ás 20:15h espero-te. Eu faço a reserva no restaurante.

Eu - ok... - ainda estava a recuperar da anterior

Thaís - Dorme bem...

Eu - tu também...ate amanhã.

Thaís - Beijo. - desligamos ]

 

Estacionei o carro...olhei a intimista mansão da família dela, uffff...Tranquei o carro e fui tocar á campainha da porta principal.

Olha a sorte! Foi justamente o pai da Thaís que veio abrir a porta...eu sou alto, mas o homem consegue ser centímetros maior que eu....porra mete-me nervoso.

- Boa noite! - falou amistosamente

Eu - Boa noite.

- Entra Bill. =)

Eu - O.O

Entrei e segui depois o homem até uma sala de estar enorme.

- Então Bill...és o feliz sortudo que anda a deixar a minha princesa assim tão feliz da vida?! - sorriu

Eu - sou?! - é tosco do caraças - eu...a...

- Está á vontade comigo rapaz. Porque conhecendo a Thaís conforme a conheço ela não te vai deixar por nada. Ela parece estar realmente interessada em ti...sabes o outro com que ela andou?! - assenti que sim - pois esse via-se logo que era de ocasiões para ela. Mas tu não...és diferente.

Eu - pois...=$

- Mirko. - fez noção de apertar-mos mãos - pai da Thaís. =D

Apertamos mãos. Uma senhora de cabelos morenos, estatura média (tal como a Thaís) surgiu na sala, sorrindo amorosamente.

- Boa noite!

Eu - Boa noite Sra.

- Chamo-me Agelinne...sou a mãe da Thaís. - deu-me 2 beijinhos na cara - Deves estar enervado com a nossa presença - olhou o marido - está descansado

Mirko - Nós também estamos de saída...temos 22 anos de casamento para comemorar.

Eu - óh...parabéns então.

Angelinne - Devo avisar-te...amanhã a Thaís faz anos, 21. =)

Eu - =O

Angelinne - ela nunca diz a ninguém quando faz anos e depois faz festas por tudo e por nada.  - riu-se

Mirko - são da mesma idade vocês?

Eu- sim...mas eu já fiz os 21anos á um mês.

Mirko - divirtam-se! Estão á vontade... - olhou em redor - tem a casa por vossa conta hoje.

Omfg! Tá a gozar não?! O pai da Thaís, o grande empresário milionário está a insinuar que eu e a filha única dele estejamos como quisermos aqui em casa. =O

Aí a minha vida!

 

Continuava, agora sozinho, na sala...olhava várias vezes de relance para a escadaria...nada. Depois o som de uma porta a fechar despertou-me, apressei-me para junto da escadaria e ela surgiu...

Eu - O.O

Desceu os primeiros degraus com pressa, mas ao me ver parou de súbito.

Thaís - Desculpa-me. - sorriu - Mas não encontrava uma coisa. Que foi? - inclinou a cabeça ao lado

O vestido, que eu tinha escolhido para ela, estava mais que perfeito sobre o corpo dela...um caí-caí que diga-se fazia boa noção do peito dela, de cor rosa e que terminava um bocado acima do joelho...era bem justo ao corpo torneado e moreno dela....o cabelo negro brilhava, Thaís não estava muito maquilhada (coisa anormal nela) mas mesmo assim estava maravilhosa...depois ela a fazer uso de uns sapatos com um bom bocado de salto. Quando dei por mim, ela estava mesmo junto de mim.

Thaís - que achas da tua escolha?

Eu - não podia ser melhor. - olhei-a nos olhos

Thaís - desde que gostes, nada mais importa. - corei, por acaso

Continuamos de olhos fixos um no outro, ela moveu-se ligeiramente para bem mais junto de mim...

Rodei-a pela cintura atraindo-a até mim, acabando por beijá-la com um certo desejo á mistura. Thaís deixava-se levar pelo beijo e eu não queria parar, era bom estar assim com ela....por mais que me custa-se a admitir...eu realmente estava a ficar demasiado interessado e envolvido com ela.

Thaís - vamos? - falou junto dos meus lábios

Eu - sim.

 

Thaís - eu tentei que não tivesses ter que dar de caras com os meus pais, mas eles decidiram que só iriam embora depois de te conhecer.

Eu - tudo bem.

Thaís - espero que não tenham dito nada de metido. =P

Eu - não...o teu pai surpreendeu-me...

Thaís - ele só é frio e calculista nos negócios, depois é um tipo e tanto. - sorriu

Eu - sim. Ele disse que... - ela parou de beber e olhou-me - que parece que estás a ficar...apaixonada por mim. - corei tanto, Jesus

Thaís - eu avisei que estava a gostar muito de ti.

Eu - De repente viras a tua atenção para mim...tipo...não sou daqueles tipos ricos e conhecidos com que é normal ver-te a acompanhar.

Thaís - Sabes aquela sensação arrebatadora que sentes num único momento sem esperares por nada?!

Eu - acho que sim.

Thaís - foi o que aconteceu...num dia que te estava a olhar, de repente voltaste-te e parecia que tudo seria apenas perfeito contigo...tipo apaixonar-me a um olhar. - sorriu um pouco nervosa

Eu - =)

Thaís - depois comecei feita espalha brasas, tal como sou, e tinha que falar contigo, conhecer-te...sei lá mais...quando dei por mim estava a gostar demasiado de ti.

Fiquei apenas a olhá-la, o brilho da média luz naquele restaurante não de grandes finezas embatia nela, fazendo-a tão maravilhosa, parecia brilhar...a minha atenção desviou-se até aos lábios sugestivos dela. Mordi o lábio, ela continuava a beber devagar até que concentrou o seu olhar em mim.

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D