Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Desde 1 de Janeiro de 2008.

iamcarmen

Desde 1 de Janeiro de 2008.

Vingança - Capitulo 10

por iamcarmen, em 19.11.14

 

10º Capitulo

Bill começou a rir quando entrou naquele bar na companhia do seu irmão gémeo e viu este ficar sem qualquer possível reacção. Aria tinha avisado que os esperaria no bar e não iria ter ao apartamento dos rapazes, até aí tudo certo…a surpresa veio quando os gémeos a encontraram no dito bar; a rapariga de cabelos longos e loiros vestia um vestido cintado que não escondia nenhuma curva feminina do seu corpo, os cabelos com o seu jeito ondulado pareciam mais compridos do que antes, os olhos verde brilhante tornaram-se intimistas com a maquilhagem aperfeiçoada, as longas pernas de Aria estavam muito á mostra e ela fazia-se maior de estatura graças ás sandálias de salto alto.

- Hallo! – cumprimentou com um grande sorriso e de copo de bebida na mão – Demoraram, rapazes. – falou ainda no seu sorriso e chegou-se para junto dos gémeos. Tom reparou em alguns colegas de trabalho, aparentemente nenhum deles reconhecera Aria, e o rapaz agradeceu mentalmente.

- Bem…estás…sugestiva, Aria. – Bill comentou

- A ideia é mesmo essa, Kaulitz. – ela falou a resposta próximo da orelha do moreno mais alto

- …por favor… - Tom resmungou entre dentes – Controlem-se. Tem 25 anos por algum motivo. – suspirou e encaminhou-se para o balcão

- O que se passa com o teu gémeo? – ela questionou a Bill

- O facto de teres voltado á vida tem mexido imenso consigo. – ele respondeu-lhe – E por outro ponto…teme que te reconheçam.

- Mudei um pouco sabes. – recordou-lhe – Não mais me visto tipo rapaz, tenho o cabelo bem mais grande e tornei-o mais claro do que realmente é, e… - sorriu – aprendi a lidar de vários modos com…vocês. – olhou fixamente o rapaz

- Completamente. – comentou sorridente – Que bebes? – questionou enquanto apontava o balcão e reparava que Aria já terminara a sua bebida.

- Fica a teu critério, Bill. Surpreende-me. – provocou; então o mais alto dos gémeos afastou-se dela, em seu redor surgiram imensos rapazes de repente e Tom voltou para junto de si. – És rápido. – comentou

- Por norma…sim. – brincou e observou o ambiente em redor de Aria, ela era completamente rodeada por rapazes e poucos disfarçavam a sua extrema atenção sobre si. – Agora chamas pela atenção de todos. Assustador. – falou antes de se meter a brincar com o seu piercing do lábio.

- Parece que não mudei assim tanto para…mal, Tomy. – ela respondeu

- Nunca disse isso. – ele respondeu-lhe de volta – Simplesmente pareces…demasiado confiante e…sabes imenso.

- Fui bem treinada. – falou mais próximo dele

- Não me refiro a “esse” saber. – suspirou

- Eu até acho bom para mim. – ficou frente a frente com o de tranças e olhavam-se fixamente. – Pelo menos ainda posso aproveitar alguma coisa. Uma segunda oportunidade é sempre bom.

- Ao que parece. – olhou mais para seu lado, confirmando que dois dos seus colegas de trabalho se preparavam para meter conversa – Por aqui, minha gente!

- É…não és o único agente da policia que merece os sábados, Tom. – um dos seus colegas respondeu – Ontem não te chegamos a ver por aí?

- Tive…um encontro inesperado. – falou e inconscientemente olhou para Aria

- Sei. – o outro colega de Tom falou sorridente – Namorada nova? – indicou a rapariga loira com o olhar

- Antiga amiga. – Tom respondeu no mesmo jeito sorridente

- Nunca chegamos a conhecer… - um falou e ficou alvo do olhar de Aria

- Á anos que não vivo nesta cidade. – ela falou – Chamo-me…

- Shay. – Tom interveio na apresentação – Apresento-vos a Shay, rapazes. Amiga…da minha infância.

- Shay. – Aria sussurrou

- Prazer em te conhecer, Shay. Chamo-me Kevin e este é o Eric. – o mais alto dos colegas de Tom prontificou-se a dizer

- Hey, hey… - Bill surgiu atrás do irmão – Tudo bem? – falou para os colegas do irmão e este assentiram positivamente – A…

- Trouxeste algo para a Shay? – Tom interveio de novo, o irmão olhou-o avaliador e nada comentou perante o, repentino novo nome de Aria.

- Vodka com mistura. Espero não ter errado muito. – Bill falou para a rapariga, ela negou e aceitou o copo de bebida.

- Quer dizer que não tens vivido cá nos últimos anos? – o de nome Kevin falou para ela

- Não. Mudei-me á poucos dias. – informou

- Sê bem-vinda. – o mesmo respondeu

- Que tal aproveitar-mos a noitada, ãnh? – Tom expos

- Bem pensado! – Aria falou com um renovar da sua animação. – Vou para perto da cabine do dj, ok. – informou a Tom e afastou-se confiante dos quatro rapazes.

- Wow! Amigas de infância como aquela também desejo muitas, Kaulitz. – Eric disse

- É…eu mesmo fiquei surpreso quando a reencontrei. – Tom falou

- Vamos. – Kevin desafiou e começou a tomar o mesmo caminho que Aria havia tomado para a pista de dança. Os gémeos deixaram-se ficar para trás.

- Shay? – Bill falou então – Que cena foi essa, mesmo?

- Bill, todos sabem quem era a minha colega de trabalho. Se ela diz o seu nome, eles podem começar a observar mais atentamente a Aria e assim as coisas complicam-se. Para já…que só a minha chefe de Departamento e o alto intendente da Policia, saibam a sua identidade. Portanto…Aria passou a se chamar Shay, que foi o primeiro nome fora do comum que me recordei de repente. – falou e seguiu os colegas de trabalho, ainda um pouco baralhado com tudo aquilo que se passava, o irmão de Tom seguiu-o.

+++

Bem que queria evitar de olhar tão atenciosamente para a sua ex-colega de trabalho e grande amiga, mas era mesmo impossível. Aria movia-se ao som da musica que passava de momento, aquele vestido negro que tanto lhe marcava as curvas, parecia subir atrevidamente a cada movimento mais sensual daquela loira e isso só fazia com que Tom não evitasse fixar-se em tudo aquilo. Aria estava fisicamente mudada e mudada ao ponto de colocar o rapaz mesmo nervoso com movimentos.

- Estás a gostar. Admite. – Bill sussurrou-lhe

- Não posso evitar. Ela aprendeu imenso em três anos, mano. – passou a mão pelo pescoço e pigarreou quando Aria vez determinado movimento de anca. – Ninguém merece, puto.

- Eu mereço. Aliás mereço completamente. – Bill provocou enquanto cravava o olhar no decote do vestido da rapariga

- Olha lá… - Tom olhou-o – tu acalma-te, ok!

- Não dizes para eu passar ao activo. Nada melhor do que começar com aquele belíssimo exemplar feminino. – piscou ligeiramente o olho ao irmão e foi para junto de Aria, passando então a acompanha-la na dança; Tom protestou e mostrou-se meio amuado.

- E eu a julgar que tu eras o tipo que iria ter a sorte de conseguir a Shay esta noite. – Kevin falou-lhe – O teu irmão passou-te á frente.

- Só não me atrevo porque ainda a vejo como a velha amiga de infância. – Tom explicou

- Claro, claro… o Bill aprendeu mais e mete tudo em jogo mais depressa que tu, esta noite. – gozou o amigo e colega. O de tranças voltou a mostrar-se amuado.

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D